logomarca governo de santa catarina

Notícias

Leia mais:Agentes identificam detento com 49 invólucros no estômago
Os agentes penitenciários da UPA de Itapema evitaram mais uma vez o ingresso de drogas e outros materiais na unidade, na tarde desta segunda-feira (21). Desta vez foram 49 invólucros contendo substância análoga à maconha, fumo, um pendrive e folhas de seda. O material foi localizado no estômago de um preso que voltava de saída temporária.
No retorno do preso à unidade, os agentes desconfiaram do comportamento do detento e, ao submetê-lo a uma revista por meio do escâner corporal, identificaram o material.

Leia mais:Agentes penitenciários do Deap integram força-tarefa no Ceará

Três agentes penitenciários do Departamento de Administração Prisional de Santa Catarina (Deap) embarcam nesta terça-feira (22) para o Ceará. O grupo vai integrar a força-tarefa que está atuando nas unidades prisionais cearenses, em ações para o restabelecimento da ordem e da segurança pública naquele estado. A força-tarefa é do Ministério da Justiça e está sob a coordenação do Depen (Departamento Penitenciário Nacional).
O envio dos servidores do sistema prisional para atuar em força-tarefa do Ministério da Justiça está previsto no Convênio de Cooperação Federativa assinado em 2017. Os agentes penitenciários catarinenses que integram o grupo são altamente treinados e capacitados a intervir em situações de crise.

Leia mais:Agentes penitenciários localizam dez celulares no estômago de apenado, em Palhoça

Os agentes penitenciários da Colônia Penal Agrícola de Palhoça apreenderam nesta terça-feira, 15, dez celulares e outros 52 invólucros com um interno que voltava de saída temporária. Os objetos estavam no estômago do apenado. A identificação dos artefatos foi possível porque, ao ingressar na unidade, os agentes do Deap  desconfiaram do comportamento do detento. Ao utilizarem o detector de metais no corpo do interno, o equipamento sinalizou a presença de metal.

Para comprovar que o detento carregava algo metálico no corpo, os agentes submeteram o preso a uma análise mais apurada através do uso de scanner corporal, quando ficou comprovada a existência dos aparelhos e outras substâncias na região do estômago. O preso foi submetido a uma cirurgia, onde foram retirados dez mini telefones celulares e outros 52 invólucros contendo cabo USB, isqueiro, chips de celular, drogas, entre outros objetos.

Departamento de Administração Prisional

Rua Fúlvio Aducci, 1214, 6ª andar, Estreito,

Florianópolis - SC - CEP 88.075-000.

Telefone: (48) 3665 7310  - Horário de atendimento das 12:00 às 19:00 horas.

JSN Boot template designed by JoomlaShine.com